Conheça os 7 principais bairros de Vancouver

Posted in Cidades, Cultura

Vancouver é a terceira maior cidade do Canadá, tanto que muitas pessoas a incluem em seu roteiro turístico ou a tem como primeira opção para uma viagem. Se trata de uma região bastante segura e que atende aos mais variados gostos, porém alguns bairros de Vancouver podem ser mais interessantes, de acordo com o que você mais gosta ou pretende fazer enquanto estiver por lá.

Existem bairros voltados para quem gosta de fazer compras, curtir a noite, saber mais sobre o passado da cidade e até para quem está em busca de tranquilidade e pretende se manter bem longe de todo o agito. O mais interessante é que Vancouver conta com uma região para quem quer passear por lojas de grife e ostentar em suas compras.

O clima ameno é o que atrai a maioria dos turistas e intercambistas, por mais que o inverno seja mais gelado do que o brasileiro. Apesar disso, é possível aproveitar a cidade e conhecer seus bairros mais importantes. Pode ter certeza de que você vai encontrar algo interessante e divertido para fazer.

Os principais bairros de Vancouver

Saiba quais são os mais importantes bairros de Vancouver e se prepare para escolher qual deles deseja conhecer.

Chinatown

Aqueles que gostam de comidas típicas orientais podem tirar algumas horas para visitar Chinatown.
Fonte: Georgia Straight.

Chinatown é ideal para os que adoram a culinária chinesa e querem conhecer restaurantes que possuem comida típica asiática em seu cardápio. Se trata de um bairro comercial, localizado entre o centro da cidade, Downtown Vancouver e Gastown.

Enquanto estiver por lá, você vai se sentir como se estivesse na China, e pode até tirar uma foto no The Millenium Gate, a entrada do bairro.

O que você mais vai encontrar na região são lojas e restaurantes, porém, o Parque Andy Livingstone também é uma atração. Outro passeio legal para fazer em Chinatown é andar pelos jardins Dr. Sun Yat-Sem. Este passeio é pago, mas possui tour com guia.

Curiosidades:

  • Ruas largas, com vários comércios que vendem produtos típicos da cultura oriental;
  • Ideal para ir pela manhã ou pela tarde.

Gastown

Apesar de ficar perto do mar, uma das atrações que mais atraem quem visita Gastown é o relógio a vapor.
Fonte: The Foodie Books.

Gastown é a região mais antiga de Vancouver e a que mais atrai visitantes. Era onde ficava o primeiro centro comercial da cidade. O mais interessante do bairro é que qualquer uma de suas ruas leva ao mar. Região interessante para ser visitada em todas as estações do ano, mesmo que seu objetivo seja apenas caminhar e tirar fotos.

Se trata de uma região comercial, em que você pode aproveitar para fazer compras ou visitar um bom restaurante. Sua arquitetura lembra muito Londres, por causa do estilo dos prédios. O passeio é válido de dia e à noite e agrada a todos.

Quem gosta de cervejas artesanais pode visitar alguns bares da região e experimentar algumas novidades, consideradas por muitos como deliciosas. Prédios históricos, lojas de souvenirs e algumas estátuas, como a de Gassy Jack, estão nessa região.

O bairro é bastante charmoso e durante a noite fica ainda mais bonito com todas as luzes das ruas acessas. Tanto os moradores quanto os turistas gostam de passear por Gastown. A dica para quem nunca foi é fazer o passeio a pé. Pode ser mais interessante e divertido.

Curiosidades:

  • Gastown é um bairro que mistura o novo e o antigo e fica bem próximo à costa, por isso, vale a pena visitar comércios que ficam à beira-mar;
  • No cruzamento das ruas Cambie e Water se encontra uma das atrações mais antigas de Vancouver, o relógio a vapor.

GranvilleDowntownh

Se seu objetivo é frequentar as baladas de Vancouver, GranvilleDowntown é a região perfeita.
Fonte: 6am-group.com

GranvilleDowntown é, na verdade, uma grande avenida. É um local bastante frequentado, principalmente por quem gosta de curtir a noite e deseja frequentar algumas baladas. O foco da região é a vida noturna, tanto que, além das casas noturnas, você irá encontrar comida apenas durante a noite. Os mais jovens, com certeza, vão gostar de conhecer esse bairro.

Apesar disso, a região também conta com alguns comércios, caso o intuito seja fazer compras. Quem vai visitar a cidade apenas como turista, poderá ficar hospedado perto da avenida. O bairro é movimentado e algumas pessoas dizem que foge um pouco do mais tradicional, encontrado em outras regiões da cidade.

Curiosidades:

  • Região onde ficam, praticamente, todas as baladas mais frequentadas de Vancouver;
  • Ideal para quem curte a vida noturna.

GranvilleIsland

Para aproveitar GrandvilleIsland, um bairro em Vancouver bastante turístico, o ideal é reservar um dia inteiro para o passeio. Fonte: PaperCity Magazine.

GrandvilleIsland é uma região para quem deseja passear e fazer compras. Localizada na False Creek, é conhecida como uma ilha, no entanto, se trata de uma península, que no passado foi região de galpões comerciais e indústrias.

Hoje é um dos principais pontos turísticos, onde você pode encontrar restaurantes, cinemas, lojas e até um mercado público.

O passeio é indicado para quem está em busca de souvenirs ou produtos locais, mas é melhor ir preparado para gastar um pouco mais.

Curiosidades:

  • O Public Market é o mercado público da região, primeiro local que as pessoas costumam visitar quando vão a esse bairro;
  • Antigamente, a região servia como apoio ao porto de Vancouver, já que era um bairro industrial.

Robson Street

Reserve um tempo para conhecer a Robson Street e fazer compras, mas separe um dinheiro a mais para ir lá. Fonte: Destination 360.

Se você está em busca de um local para fazer compras, o bairro Robson Street é uma boa opção. A região é uma mistura perfeita de lojas mais caras – para quem pretende gastar um pouco mais – e jovens. Algumas pessoas optam por se hospedar neste bairro, mas, caso seja sua ideia, o melhor é preparar o bolso.

Além de fazer compras, você pode parar para comer e visitar algumas atrações famosas da cidade, como Vancouver ArtGallery e Shopping Pacific Centre.

Curiosidades:

  • É um bairro indicado tanto para quem deseja fazer compras quanto para quem busca um passeio mais cultural. No segundo caso, basta visitar a Vancouver ArtGallery;
  • A região é um misto de empresarial e comercial, dividida nas categorias Beleza, Comida, Moda, Estilo de vida, Estacionamento e Serviços.

HeritageDistrict

O cruzamento entre as ruas Burrard e Granville é a região perfeita para quem pretende gastar um pouco mais e quer visitar lojas conceituadas. Fonte: Spacelist.

Quem está em busca de um passeio por lojas mais caras e conhecidas, deve ir até HeritageDistrict. Pode até se planejar para ir no mesmo dia em que for conhecer a Robson Street.

Assim que chegar aos quarteirões que ficam entre a Granville e a Burrard, vai encontrar as melhores e mais caras lojas da cidade. A rua é bastante tranquila e seu foco são as lojas de grife.

Curiosidades:

  • Você pode ir a pé até lá, caso esteja na Robson Street. É só caminhar em direção ao Habour, até encontrar a Hastings;
  • Ao vivo, a rua é bem diferente do que é mostrada nos guias turísticos. Não possui ruas tão largas e não é tão movimentada quanto parece.

Yaletown

Yaletown tem ruas mais movimentadas e é onde você vai encontrar pessoas mais jovens.

Existem vários bares e pubs na região. Você pode aproveitar e encerrar seu passeio em um deles. Aproveite também para admirar a arquitetura dos prédios do bairro. A região é bem convidativa e agradável.

Curiosidades:

  • Região em que as pessoas mais jovens moram, trabalham e se divertem. É um bairro bastante completo;
  • É onde se encontra o George Wainborn Park.

Você já tinha ouvido falar dos passeios a esses bairros em Vancouver? Compartilhe suas experiências. Aproveite também para deixar seu comentário e suas dicas.

Topo