10 filmes canadenses que você tem que assistir

Posted in Cultura, Entretenimento, Eta Canada Blog

Você sabia que os filmes Starbuck, Enemy (O Homem Duplicado) e A Garota da Capa da Vermelha são produzidos no Canadá? A indústria cinematográfica vem ganhando fortemente novos ares com a produção de filmes canadenses, o que tem preocupado a maior produtora de audiovisual do mundo: os Estados Unidos.

Não à toa! Atores, diretores e outros profissionais do cinema canadense estão entre os melhores do mercado, ganhando notoriedade também nas telas norte-americanas. Podemos citar Jim Carrey (O Máscara), Sandra Oh (Grey’s Anatomy), Aaron Ashmore (Killjoys), Ryan Reynolds (Deadpool) e Ellen Page (Juno).

O grande diferencial, talvez, seja porque os cineastas canadenses das grandes cidades que servem de polos cinematográfico – Vancouver, Toronto, Quebec e Montreal – se sentem livres para contar suas histórias da forma que quiserem, aproveitando sua diversidade cultural e exibindo suas belas paisagens naturais.

Se você pretende fazer intercâmbio ou simplesmente tem curiosidade em conhecer mais sobre esse país, continue em nosso artigo. Você vai conferir os melhores filmes canadenses para assistir a partir de hoje.

10 filmes canadenses para você assistir

1.  Enemy (O Homem Duplicado) – 2014

Suspense psicológico dirigido por Denis Villeneuve (Prisioners), Enemy (O Homem Duplicado) também tem produção espanhola e atuação do ator americano Jake Gyllenhaal.

Na trama, Gyllenhaal interpreta Adam Bell, um professor de história que entra em grande conflito ao descobrir um ator que é seu sósia. Poderia ser apenas uma descoberta fantástica, se não fosse a obsessão do personagem em perseguir seu clone.

O filme canadense é uma adaptação do livro homônimo O Homem Duplicado, de José Saramago.

Gênero: suspense.

Data de lançamento: 19 de junho de 2014.

2.  C.R.A.Z.Y – Loucos de Amor– 2005

C.R.A.Z.Y – Loucos de Amor retrata a descoberta da homossexualidade de um jovem.

Um drama dirigido por Jean-Marc Vallée (Dallas Buyers Club), C.R.A.Z.Y – Loucos de Amor retrata a descoberta da homossexualidade de um jovem chamado Zachary Beaulieu, em plena década de 1960. O garoto sofre para não decepcionar a família, formada por uma mãe religiosa, um pai conservador e mais quatro irmãos.

A ambientação, o clima e a música refletem muito bem o espírito sessentista, explorando não só as características da época como destacando a homofobia de 50 anos atrás.

Gênero: drama.

Data de lançamento: 27 de maio de 2005.

3.  Tom à La Ferme – 2013

Xavier Dolan atua seu próprio filme.

Outro na lista de filmes canadenses é Tom à La Ferme (Tom na Fazenda, no Brasil), do jovem diretor Xavier Dolan (que dirigiu J’ai Tué ma Mère, e na tradução, Eu matei minha mãe).

A trama é baseada na peça de Michel Marc Bouchard, com roteiro também de Dolan, e conta a história de Tom (Xavier Dolan), um rapaz perturbado com a morte de seu namorado, Guilhaume. Quando ele viaja para o funeral do amado parceiro, Tom descobre que ele escondia sua homossexualidade.

Confrontado por Frances, irmão de Guilhaume, ele é obrigado a inventar uma namorada para seu parceiro, levando a história para o campo de ameaças e um pouco de perversão.

Gênero: suspense.

Data de lançamento: 7 de setembro de 2013.

4.  As Invasões Bárbaras – 2003

As Invasões Bárbaras é um dos filmes canadenses mais atuais por retratar as relações humanas.

As Invasões Bárbaras é uma comédia dramática franco-canadense, dirigido por Denys Arcand (O Declínio do Império Americano) e protagonizado por Rémy Girard, interpretando o personagem de mesmo nome.

Rémy está à beira da morte e deseja a eutanásia para dar fim ao seu sofrimento. Para isso, ele consegue ajuda de velhos amigos, sua ex-mulher e seu filho ausente.

Este filme tem um aspecto muito interessante: através dele você poderá conhecer e apreciar as influências da cultura francesa no Canadá.

Gênero: comédia dramática.

Data de lançamento: 24 de setembro de 2003.

5.  Ensaio sobre a Cegueira – 2008

Ensaio sobre a Cegueira é mais um dos filmes canadenses adaptado da obra de José Saramago.

O filme canadense Ensaio sobre a Cegueira é baseado no romance homônimo do escritor português José Saramago. O filme foi gravado em diversas partes do mundo, incluindo Japão e Brasil.

A história mistura drama e suspense e fala sobre uma estranha epidemia que deixa os moradores de uma cidade cegos. A chamada “cegueira branca” (porque as pessoas passam a ver uma imagem leitosa) se espalha por todo o país e expõe um Estado frágil em oferecer bons serviços com tanta demanda.

Gênero: drama/suspense.

Data de lançamento: 12 de setembro de 2008.

6.  Dois Amantes e um Urso – 2016

O filme mostra o casal Lucy e Roman e suas relações intensas em um deserto de gelo.

Dirigido por Kim Nguyen, um dos filmes canadenses mais recentes conta com os atores Tatiana Maslany e Dane DeHaan, que vivem um casal no Polo Norte.

A trama, que mistura romance, comédia e drama mostra o casal Lucy e Roman e suas relações intensas em um deserto de gelo. Para não se afastar da amada, Roman convida a garota para um passeio, atravessando um cenário gelado e vazio. Juntos, o casal romântico busca sua paz interior, enquanto tenta manter sua chama acesa em um cenário frio.

Gênero: drama.

Data de lançamento: 18 de maio de 2016.

7. Starbuck – 2011

Patrick Huard em cena na comédia Starbuck.

Uma divertida história dirigida por Kem Scott e protagonizada por Patrick Huard. Starbuck é o pseudônimo usado por David Wozniak na época em que vendia seu esperma.

O problema é quando sua namorada anuncia estar grávida e, em seguida, ele descobre que tem 533 filhos em várias partes do mundo. Como se não fosse o bastante, muitos deles querem conhecê-lo.

Gênero: comédia.

Data de lançamento: 27 de julho de 2011.

8. Into the Forest – 2015

Into the Forest é mais um filme produzido no Canadá. Fonte da imagem: letterboxd.

Sob direção de Patrícia Rozema, o filme canadense Into the Forest aborda a sobrevivência em meio ao caos. Ellen Page e Evan Rachel Wood são duas irmãs vivendo dentro de uma floresta, até que o continente sofre uma brusca queda de luz.

Sem energia elétrica e com a ameaça de fim de mundo, as meninas precisam se proteger contra intrusos, fome e solidão.

Gênero: drama/suspense.

Data de lançamento: 12 de setembro de 2015.

9. A Garota da Capa Vermelha – 2011

Amanda Seyfried é A Garota da Capa Vermelha na adaptação canadense.

A clássica história da Chapeuzinho Vermelho ganha uma nova adaptação com o filme A Garota da Capa Vermelha.

Amanda Seyfried é a jovem Valerie do título, que a contragosto da família, planeja fugir com o seu amado Peter (Shiloh Fernandes). Porém o plano é interrompido quando a irmã mais velha de Valerie é assassinada pelo temível lobisomem que cerca e apavora o pequeno vilarejo.

A direção é de Catherine Hardwicke.

Gênero: drama/suspense.

Data de lançamento: 11 de março de 2011.

10. Café de Flore – 2011

Café de Flore alterna entre uma Montreal moderna e a vida parisiense da década de 1960.

Mais um filme canadense de Jean-Marc Vallée, Café de Flore alterna entre uma Montreal moderna e a vida parisiense da década de 1960.

Antoine (Kevin Parent) é um jovem DJ canadense vivendo em Paris dos anos 1960. Apaixonado pela namorada Rose (Evelyne Brochu), ele ainda se encontra fragilizado pelo fim da relação com a mãe de seus filhos. Nos dias atuais, Jaqueline (Vanessa Paradis) é mãe de uma criança com síndrome de Down, e que se apaixona por uma garota com a mesma doença.

Gênero: drama.

Data de lançamento: 18 de novembro de 2011.

Histórias de amor, lutas e conflitos, independente do gênero, o cinema do Canadá possui grande crescimento frente às outras indústrias de audiovisual e que são perfeitas amostras do que você vai encontrar durante sua visita.

Gostou desta lista de filmes canadenses e tem interesse em conhecer o Canadá? Aproveite e venha conferir nossa página para mais informações.

Topo