Por que trabalhar como engenheiro no Canadá?

Viver e trabalhar em um país desenvolvido e cheio de oportunidades é um sonho para muita gente. Afinal, é uma maneira de dar mais conforto para si próprio e toda a família. E uma dessas alternativas é trabalhar como engenheiro no Canadá.

No Canadá, engenheiros podem ter uma carreira promissora e cheia de oportunidades

Você já deve ter visto em outros textos que o país é extremamente receptivo com imigrantes. Com dimensões continentais, tem cerca de 35 milhões de habitantes e, por isso, mão de obra qualificada é sempre bem-vinda. Estrangeiros têm totais condições de se estabelecer em terras canadenses.

A engenharia civil é a que mais emprega no país, assim como a mecânica, química e a elétrica.

Saiba agora como trabalhar como engenheiro no Canadá, desde a preparação, validação do diploma e busca por vagas.

Por que trabalhar como engenheiro no Canadá?

Não são apenas as chances de ouro que você pode conseguir no país. Trabalhar no Canadá tem uma série de vantagens, mesmo sendo estrangeiro. Você terá mais detalhes a seguir.

Demanda de trabalho

Todas as áreas da engenharia oferecem postos de trabalho no país.

Ao pesquisar e planejar trabalhar em outro país, o primeiro detalhe que necessita atenção é a chance de se conseguir uma vaga onde se deseja viver. Se não houver demanda, de nada adianta.

No Canadá, a engenharia é uma área que sempre conta com vagas. Todas as especialidades precisam de profissionais qualificados.

Nos últimos anos, a engenharia aeroespacial tem se mostrado bastante promissora em empresas canadense. Isso se deve, principalmente, ao déficit de profissionais neste setor.

A sociedade canadense

Para quem gosta de um país com uma vasta cultura, o Canadá é o local certo. Com grande diversidade, recebe muito bem todos os tipos turistas, independentemente da origem. Logo, quaisquer povos que se estabelecem no país podem preservar suas tradições e origens.

O povo canadense também dá importância a muitos valores que muitos ainda lutam para serem estabelecidos no Brasil, como a igualdade entre homens e mulheres. Também valoriza um sistema jurídico que funcione, assim como o respeito a todas as religiões, raças, culturas e línguas.

Por isso, você encontra pessoas de todas as raças nas ruas do país. Atraídas pelas possibilidades e pela boa recepção dos canadenses, eles começam uma nova vida no Canadá.

Não há ocorrências de conflitos de violência racial e a segurança é muito boa.

Salários atraentes

O Canadá não traz simplesmente vagas de trabalho para imigrantes. São verdadeiras chances de dar um upgrade à sua carreira, principalmente se a mão de obra for qualificada. Aliás, esse é um requisito essencial.

E não é só. As profissões regulamentadas são as mais valorizadas no país. E o ramo da engenharia encontra-se nessa condição.

Os salários são ainda melhores para profissões para as quais há demanda de vagas e mão de obra especializada. E, como já mencionado, engenheiros no Canadá são bastante procurados.

Um profissional da área recebe em média 73 mil dólares canadenses por ano – pouco mais de 180 mil reais por ano ou 15 reais mil por mês. É uma remuneração difícil de ser conseguida no Brasil, mesmo com qualificação muito boa.

E o salário pode ser ainda maior, dependendo da província. Diferentemente do Brasil, onde há um único salário mínimo para todo o país, no Canadá os valores variam de acordo com a localidade. Em Ontario, um engenheiro recebe em média 82 mil dólares canadenses anualmente (mais de 200 mil reais).

Ótimas condições de vida

O Canadá é um dos países com a qualidade de vida mais alta em todo o mundo.

O Canadá é a oitava nação que oferece a melhor qualidade de vida para seus habitantes. Com índices de desenvolvimento (IDH) muito altos, tem também a 11ª maior economia do mundo.

O setor de serviços, no qual a engenharia se classifica, é o que mais se destaca na economia canadense.

Todos os aspectos relacionados à qualidade de vida têm níveis acima da média no Canadá. Moradia, segurança, educação e qualidade do meio ambiente são muito valorizados no país. Para se ter uma ideia, a cada dez canadenses com idades entre 25 e 64 anos, nove têm o Ensino Médio concluído.

Como validar o diploma para trabalhar como engenheiro no Canadá?

Não é apenas a formação recebida no Brasil que dá o direito de qualquer estrangeiro trabalhar como engenheiro no Canadá. É necessária uma licença especial, ou seja, validar o diploma no país. Caso o profissional não a tenha, ele será apenas um assistente ou um engenheiro em treinamento.

Então, como tirar essa licença especial?

Em primeiro lugar, é bom salientar que cada província tem as suas regras próprias para a obtenção do documento. No entanto, algumas delas são comuns a todas.

A primeira delas é a avaliação acadêmica – o diploma obtido no país de origem. Neste caso, o curso será avaliado e checado para verificar se está em conformidade com os equivalentes canadenses.

Dependendo da província, podem ser exigidos exames de engenharia, matemática, ciências e design.

Também são exigido quatro anos de experiência em uma disciplina da área de engenharia – essa regra não se aplica a Quebec. É necessário ainda um ano de trabalho supervisionado no Canadá.

Outro requisito essencial é a fluência nos idiomas oficiais canadenses, inglês e francês – o idioma depende da província e Quebec é a única na qual o francês predomina. Como esse já é um tópico obrigatório no momento de tirar o visto correspondente, a mesma certificação pode ser mostrada. Porém podem ser exigidas algumas outras provas.

Para se tornar um engenheiro profissional no Canadá, é preciso também uma avaliação de caráter. Essa é uma maneira de atestar a idoneidade do candidato. Normalmente, isso é feito através de uma referência, que pode ser um colega de trabalho, por exemplo.

Já com o processo de licença iniciado, um exame deve ser realizado. É algo bem específico da área e, dependendo da província, é permitido fazê-lo ainda no Brasil.

Esse processo pode durar até um ano. Logo, não há outro jeito de se tornar engenheiro no Canadá senão estar em condições de treinamento por um bom período.

O Canadá faz questão de ter em suas empresas profissionais competentes e qualificados, independentemente de origem. No entanto, tudo o que já foi mencionado neste texto a respeito do país faz com que pessoas de todo o mundo queiram trabalhar e construir a vida em terras canadenses. Saiba mais sobre isso a seguir.

Quais as cidades com maior concorrência por vaga?

Algumas das principais cidades canadenses são também as que apresentam uma concorrência mais acirrada. A primeira do ranking é Calgary, com 86 candidatos por vaga, seguida pela capital Ottawa, com 74.

Edmonton aparece logo em seguida, com 73 candidatos por vaga. Em quarto lugar, está Toronto, com 32. Confira o restante da lista:

  • Montreal: 26 candidatos por vaga
  • Halifax: 23 candidatos por vaga
  • Vancouver: 22 candidatos por vaga
  • Quebec City: 2 candidatos por vaga.

Veja a seguir as cidades que oferecem os melhores salários para engenheiros no Canadá.

Quais as cidades com maior concorrência por vaga?

O ranking mostra que algumas cidades bastante concorridas oferecem as remunerações mais altas e, talvez por conta disso, tantos candidatos queiram se estabelecer nelas. Calgary, por exemplo, é a cidade onde há um maior número de candidatos por vaga e também é a que oferece os maiores salários: de 63 a 119 mil dólares canadenses por ano.

Edmonton, com variação de 60 a 117 mil dólares canadenses por ano, e Ottawa, de 54 a 107 mil, aparecem respectivamente na segunda e terceira posições. No entanto, Halifax divide a terceira colocação com a capital canadense, com salários que variam entre 50 e 110 mil dólares canadenses.

Lembrando que esses números são equivalentes a 12 meses de salários.

Toronto e Vancouver, duas das principais cidades canadenses, têm variações idênticas, entre 51 e 101 mil dólares canadenses.

As cidades onde o francês é a língua dominante, Montreal e Quebec City, tem salários para engenheiros que variam entre 46 a 88 mil e 37 a 86 mil dólares canadenses por ano, respectivamente.

Você já viu que o processo para conseguir a licença para atuar como engenheiro no Canadá pode durar até um ano. Para conseguir uma colocação, as empresas levam em média 50 dias até encontrar um profissional do perfil que elas desejam.

Escolher uma cidade para se estabelecer no país não depende apenas de concorrência e salários. As oportunidades devem ser constantes e reais. Províncias como Ontario e Quebec têm muitas vagas de trabalho para engenheiros.

Alberta, por sua vez, é um local cuja produção de petróleo e gás é muito forte. As chances de trabalho para todas as áreas estão mais voltadas para essa área.

Você acabou de ler um texto mostrando uma real chance de se estabelecer profissionalmente no Canadá. Mas se o seu objetivo é estudar ou mesmo conhecer o país como turista, aqui no blog você encontra artigos com dicas muito úteis sobre o país.

Como o Canadá sempre tem novidades incríveis para estrangeiros, o conteúdo do site é atualizado de forma constante e com assuntos que realmente interessam. Visite-o regularmente para ter acesso aos textos.

E não se esqueça de comentar em caso de dúvidas ou mesmo para ter mais informações sobre a vida de um engenheiro no Canadá. Sua participação é muito importante.

Topo