O que fazer em Calgary: 7 pontos turísticos inesquecíveis para visitar

O Canadá é tão grande e tem tantos atrativos, que uma viagem ao país gera muitas dúvidas e incertezas. Ao selecionar as cidades que farão parte do seu roteiro de viagem, um critério é optar por locais que recebem muitos turistas, como Calgary. Mas o que fazer na cidade?

Calgary está muito bem localizada. Fica na província de Alberta, a 300 quilômetros da fronteira com os Estados Unidos e também a 80 quilômetros das Montanhas Rochosas.

De grande porte, tem cerca de 1 milhão de habitantes, é a mais populosa da província. Conta com pontos turísticos que atraem pessoas do mundo todo, incluindo brasileiros.

A partir de agora, você saberá o que fazer em Calgary, para já planejar sua próxima viagem.

O que fazer em Calgary: 7 pontos turísticos inesquecíveis para visitar

Calgary tem locais que agradam pessoas de todos os perfis e idades. Vale a pena passar pela cidade e conhecer todos eles. São alternativas de passeios incríveis e que proporcionam experiências inesquecíveis.

1 – Calgary Tower

A Calgary Tower é bem famosa. A torre é tão alta que se pode avistar toda a cidade e arredores.

Essa é a principal atração turística da cidade. Recebe mais de 500 mil turistas por ano – aproximadamente metade da população local.

É uma torre com altura equivalente a um prédio de 60 andares. Logo, lá do alto você consegue não só ter uma bonita vista da cidade inteira, como também das localidades vizinhas. Como se não bastasse, o chão é todo de vidro. A sensação de ver o solo da cidade a 190 metros de altura é indescritível.

No topo da Calgary Tower, você ainda pode saborear uma deliciosa refeição em um restaurante giratório. Algo muito original e que certamente dará muitas histórias para contar.

Um fato interessante sobre a torre é que durante os Jogos de Inverno de 1988, realizados na cidade, a tocha foi acesa em seu cimo, tornando-se a maior do mundo. Ainda hoje, ela é ativada em ocasiões especiais, como o Canada Day, por exemplo.

2 –Prince’sIsland

Muito procurado por quem gosta de praticar exercícios físicos e relaxar, o parque é frequentado por pessoas que vivem em Calgary e também por turistas.

Trata-se de um parque com um cenário perfeito para praticar esportes, pedalar, caminhar e correr. Muitas pessoas ainda fazem piquenique, principalmente durante o verão. São muitas as opções para fazer nesse passeio em Calgary.

O Prince’sIsland fica na ilha de Saint George e é cercado pelo rio Bow. Seu acesso se dá por uma ponte por onde passam apenas pedestres.

O parque tem uma área de 20 hectares e o horário de funcionamento é bastante flexível: das 5 horas da manhã até às 11 da noite, todos os dias. Foi fundado em 1947 e também recebe turistas e moradores locais que buscam um local para descansar e relaxar.

3 – Estádio Pengrowth Saddledome

O estádio abriga jogos de hóquei e também tem locais para comer e fazer compras.

É um local relativamente novo – foi fundado em 1983. Naquela época, seu nome era Olympic Saddledome e desde então é um dos principais pontos de visitação para pessoas que buscam o que fazer em Calgary.

Bastante moderno, o estádio tem capacidade para pouco mais de 20 mil pessoas. Tem ótima infraestrutura, contando com restaurantes, bares e 76 suítes de luxo. Recebe a maior parte dos jogos do principal time de hóquei de Alberta, o Calgary Flames, além de outros eventos, como shows de cantores e bandas de todos os estilos de música.

4 –Glenbow Museum

O local é uma verdadeira viagem ao tempo e é um passeio muito interessante para fazer em Calgary.

Para quem busca o que fazer em Calgary e faz questão de visitar um lugar dedicado às artes, o Glenbow não pode faltar no roteiro de viagens. É o maior museu de arte do Canadá, com 8600 metros quadrados de área para exposições.

Abriga mais de 20 galerias, totalizando mais de um milhão de objetos. Alguns dos mais renomados pintores do país expõem suas obras em Glenbow. Também conta com objetos datados da época da colonização canadense, sendo também uma excelente opção para quem gosta de história e de conhecer mais curiosidades e materiais sobre este tema.

5 –Heritage Park

O local reproduz um período histórico da província de Alberta, inclusive com construções reais.

Essa é outra opção muito válida para quem gosta de história. Absolutamente tudo dentro do parque remete ao passado da província de Alberta, especialmente entre o final do século XIX e início do século XX.

Lojas, restaurantes e eventos realizados no local têm traços desse período histórico. Há ainda inúmeras exibições e passeios com esse tema. O mais original é que algumas das construções expostas são reais e foram levadas até o Heritage Park.

Essa é uma opção de lazer para toda a família e é excelente para quem procura mais passeios para fazer em Calgary.

6 –Lougheed House

A mansão foi residência e hospedagem de diversas autoridades canadenses e britânicas e conta com belos locais que merecem ser visitados.

Esse passeio também é histórico. Trata-se de uma mansão datada de 1891, considerada patrimônio histórico do Canadá e um dos principais pontos turísticos de Calgary.

Vale a pena visitar seus jardins, apreciar sua belíssima decoração e também almoçar no restaurante local, de quarta-feira a domingo. Aos finais de semana, também é oferecido um delicioso brunch. É uma opção muito boa para toda a família e também para saber mais sobre o passado de Calgary e do Canadá.

A LougheedHouse foi residência do senador James Alexander e serviu de hospedagem para autoridades britânicas, como o príncipe Edward, a princesa Patricia, além do Duque e da Duquesa de Connaught.

E não é só. Para quem se pergunta o que fazer em Calgary, o zoológico da cidade é um ótimo programa.

7 – Calgary Zoo

O zoológico de Calgary atende há quase 90 anos e conta com centenas de animais e espécies.

O zoológico de Calgary atende há quase 90 anos e conta com centenas de animais e espécies.

Um dos mais antigos zoológicos do Canadá, o Zoo de Calgary foi inaugurado em 1929 e abriga mais de 700 animais de quase 300 espécies diferentes.

Os animais estão organizados de acordo com regiões geográficas, reproduzindo seus habitats naturais. Há também um jardim botânico e um parque pré-histórico, o que torna o local perfeito para crianças que gostam de dinossauros e outros animais da época.

Também dispõe de restaurantes, cafés e uma loja onde você pode comprar souvenires e outros tipos de lembrancinhas do local. É perfeito para presentear familiares e amigos que ficaram no Brasil. É realmente um local incrível para visitar.

Como você pôde perceber, em alguns desses 7 pontos turísticos, que já guiam o turista que se pergunta o que fazer em Calgary, há opções para fazer refeições. Porém, para quem gosta de gastronomia e quer incluí-la em sua viagem, o ideal é dedicar um tempo só para isso.

No próximo tópico, você conhecerá locais exclusivamente para comer na cidade.

Além dos pontos turísticos: o que comer em Calgary?

Na cidade, é possível apreciar a culinária de praticamente todos os lugares do mundo. Calgary é um local de grande porte e, como a maioria das localidades semelhantes canadenses, abriga muitos imigrantes, isso se reflete nas opções de restaurantes e cafés.

Butcher and the Baker

Bolos, sanduíches e outras guloseimas fazem parte do cardápio do café.

Em português, o nome significa “Açougueiro e Padeiro”. É uma excelente opção para quem busca comer um delicioso lanche, mas quer algo diferente de hambúrgueres e outras opções que você encontra em qualquer rede de fastfood.

Você pode encontrar tipos de sanduíches mais originais, como o de carne assada. Também pode provar bolinhos de diversos sabores, macarrão com queijo e muffins.

Para sobremesa, vale a pena provar brownies e mousses artesanais. Aliás, tudo no lugar é feito dessa maneira. Os alimentos são envolvidos em papel pardo e um outro transparente e amarrados em barbante. A água é gratuita, inclusive com gás, e há também opções de combos com refeições completas.

Além disso, você ainda pode levar para viagem cortes de carnes que vêm no ponto para assar.

Holy Grill

O restaurante está disponível de manhã e na hora do almoço.

Exclusivo para quem deseja fazer um brunch ou almoçar, mas não para o jantar, pois não abre à noite. Oferece uma ampla opção de sanduíches – inclusive, os clientes podem ver a preparação dos pratos.

Também tem opções de saladas e wraps, bem como sopas. No caso destas, há uma que se destaca a cada dia.

Os acompanhamentos também são variados e originais: o Holy Grill tem chips de beterraba e batata doce.

Fusion Sushi

Com excelente atendimento, o restaurante oferece muitas opções deliciosas da culinária japonesa.

Como o nome diz, esse local serve comida japonesa e conta com diversas opções para agradar a todos os amantes da culinária oriental.

Uma especialidade do restaurante é o prato que leva o nome do local, FusionRoll. É feito de salmão, cru e defumado, abacate e limão em pedaços e em suco.

Também oferece o clássico sashimi de salmão, que são grandes e não vem cortados como os oferecidos em restaurantes japoneses no Brasil. Também conta com outros tipos de roll e todos os pratos japoneses que são consumidos ao redor do mundo.

Todos os funcionários que trabalham no Fusion Sushi são orientais e o atendimento costuma ser bem cordial. O local é limpo e aconchegante.

Nami Sushi

O restaurante tem a opção de delivery e combos. Assim, você pode experimentar opções bem variadas.

Também especializado na culinária japonesa, tem o diferencial do sistema delivery. Os sashimis também são grandes (até maiores do que os do Fusion Sushi) e sushis bem originais, com abacate, manga e frutos do mar.

As opções de comida contemplam o almoço, o jantar e lanches especiais.

Além disso, também oferece combos com pratos diferentes, para quem gosta de apreciar um pouco de cada item.

Quanto aos pedidos para entrega, podem ser feitos inclusive online. É uma opção que moradores locais costumam aproveitar bastante, mas, como turista, o melhor é sempre visitar o local e curtir o passeio. Afinal, o que um estrangeiro quer mais é encontrar mais e mais opções de programas para fazer em Calgary.

Minas Brazilian Steakhouse

O restaurante é um pedaço do Brasil em Calgary e é especializado em comida mineira. Você pode saborear churrasco e pão de queijo.

Não há apenas programas internacionais para fazer em Calgary. A cidade também tem uma opção serve deliciosa comida brasileira! Localizado no centro da cidade, o restaurante é mais focado na culinária de Minas Gerais, como o próprio nome diz.

Uma das especialidades do local é o churrasco. Os cortes de carne são feitos na hora. Típicos pratos mineiros, como o pão de queijo, também fazem parte do cardápio.

O restaurante oferece almoço e jantar todos os dias. O proprietário é brasileiro, assim como todos os que trabalham no atendimento aos clientes. É aconchegante e bastante familiar por razões óbvias.

Agora que você já sabe o que fazer em Calgary, planeje já a sua próxima viagem de férias. Não deixe de passar pela experiência de conhecer uma das maiores cidades canadenses e aproveitar tudo o que ela tem para oferecer aos seus milhares e milhares de turistas.

Não se esqueça: uma viagem para o Canadá não se restringe a escolher os pontos turísticos a serem visitados. Você precisa tirar visto, verificar bagagem, juntar dinheiro e tudo o que envolve uma viagem dessa natureza.

Para saber mais sobre cada etapa desse minucioso planejamento, não deixe de conferir os outros textos do blog. Você saberá como tirar o visto, conhecerá opções de hospedagem, passagens aéreas, enfim, tudo o que envolve viagem ao Canadá.

Também há artigos sobre trabalho e estudos no país, se os seus planos incluem isso.

Aproveite para conferir conteúdo novo e exclusivo postado regularmente. Você acompanha todas as novidades aqui no site. Visite-o sempre.

Comente se ainda houver dúvidas em relação ao que fazer em Calgary e outras cidades canadenses, bem como outros tópicos relacionados à sua viagem. Planeje-se e prepare-se para viver momentos inesquecíveis em cada ponto turístico do Canadá.

Topo