5 dicas imperdíveis de como fazer intercâmbio no Canadá

Antes de saber como fazer intercâmbio no Canadá, é preciso ter em mente que o número de brasileiros que realiza esse sonho vem aumentando consideravelmente. Afinal, o ensino canadense é um dos melhore do mundo.

Para aqueles que querem aprender inglês, o Canadá é uma ótima opção pelo sotaque mais fácil de ser entendido, quando comparado a países como Irlanda e Austrália, por exemplo.

Além disso, parte do território tem o francês como língua oficial. Ou seja, ainda há um bônus para quem deseja aprender mais um idioma.

Fazer intercâmbio no Canadá também pode abrir portas para quem deseja morar no país em definitivo, principalmente devido aos programas de imigração que o governo mantém visando aumentar a população local.

Ah, e se você é brasileiro, uma boa notícia: o governo canadense está de olho em profissionais do Brasil do setor de tecnologia da informação. Para quem ainda está no Brasil e deseja uma vaga dessas, investir no intercâmbio para aprimorar o inglês pode ser a chave do sucesso no futuro.

Mas, mesmo se esse não é o seu objetivo, estudar e viver no Canadá, com certeza,deixará o currículo muito mais interessante para um futuro profissional no Brasil.

Toronto é uma das cidades preferidas para fazer intercâmbio no Canadá

Características gerais do Canadá

Quer mais motivos para fazer intercâmbio no Canadá? Saiba que o país possui cidades entre as melhores para se viver no mundo. Uma delas é Toronto, que, normalmente, figura entre as três primeiras dessa lista.

O Canadá é famoso por ser um país frio, o que faz muitas pessoas desistirem de viajar. O que muitos não sabem é que também faz calor no verão canadense. Tudo depende da região de cada província.

Toronto, que sempre recebe um grande número de intercambistas brasileiros, costuma ter no inverno temperaturas mínimas entre -30°C e 0°C. Já no verão, as temperaturas máximas variam entre 20°C e 30°C.

Vancouver, outra localidade repleta de brasileiros, possui temperatura no inverno que variam entre 0°C e 6°C. E, no verão, entre 12°C e 22°C. Ou seja, é menos fria e também menos quente em relação à cidade de Toronto.

Quanto à segurança, não há dúvidas de que o Canadá pode ser chamado de país dos sonhos para os brasileiros. Segundo dados da polícia local, em 2015, ocorreram 604 assassinados no Canadá. Enquanto que, no Brasil, foram quase 60 mil.

Já em 2016, Montreal registrou apenas 23 homicídios. Lembrando que o Brasil foi considerado o país com o maior número de assassinatos no mundo em 2016.

Na saúde, para ter ideia, o Canadá chega a ser invejado pelo seu vizinho, os Estados Unidos. E ainda tem mais: o transporte público funciona e o respeito no trânsito existe. Tanto pedestres quanto ciclistas convivem harmoniosamente com carros e ônibus.

5 dicas de como fazer intercâmbio no Canadá

Se você gostou de tudo o que leu até o momento e está pensando seriamente em morar fora do Brasil, fique atento às dicas a seguir de como fazer intercâmbio no Canadá:

Tipo de visto para o Canadá

Há diferenças entre os vistos existentes. Mas, todos devem ser solicitados com antecedência e conterem todos os documento requisitado.

Para cursos com duração inferior a seis meses, basta solicitar o visto de turista. Já para cursos superiores a esse período, é preciso solicitar o visto de estudante.

Lembrando que para cursos de idiomas, não há a opção de trabalho disponível. Enquanto que para cursos universitários ou colleges, o aluno poderá trabalhar até 20 horas semanais durante o período de aula e 40 horas semanais durante as férias.

Para casais que pretendem viajar juntos, há a opção de um deles estudar em um college enquanto o outro apenas trabalha.

O visto de estudante, seja qual for, depende da emissão de uma carta de aceitação da escola canadense. Essa carta será um dos documentos a serem anexados ao processo no momento da solicitação do visto.

High school, universidade e college

Quem deseja cursar o ensino médio (high school), deve saber que tanto as escolas públicas quanto as particulares possuem ensino de alta qualidade. Além disso, os custos costumam ser menores se comparado aos Estados Unidos – que um dia já foi o queridinho dos intercambistas brasileiros.

O Canadá também é referência mundial para aqueles que querem estudar em uma universidade ou college. Apenas para diferenciar: as universidades canadenses são mais acadêmicas e teóricas, enquanto os colleges são mais práticos.

Os colleges são mais procurados, pois oferecem a chance de entrar mais rapidamente no mercado de trabalho local. Outro benefício é a maior oportunidade de o recém-formado conseguir participar de algum programa de imigração do governo local.

Como escolher a cidade para fazer intercâmbio no Canadá

Essa é uma dúvida pertinente quando se trata de como fazer intercâmbio no Canadá. Se o seu desejo for estudar francês, a cidade certa é Montreal. Por lá, falam-se amplamente os dois idiomas (inglês e francês) e você terá, de certa forma, um aprendizado duplo.

Vancouver e Toronto dividem as escolhas entre os brasileiros que buscam estudar inglês ou cursar uma faculdade. Já vimos as diferenças climáticas entre as duas. Mas, no geral, ambas são modernas e culturais.

Toronto é maior e mais cosmopolita. O trânsito é mais pesado e há mais ofertas de emprego. Vancouver é mais pacata e possui uma vida noturna menos agitada. Mas o custo de vida em relação a Toronto é menor.

Calgary, na província de Alberta, também vem recebendo bastante brasileiros. Em termos de tamanho, fica entre Toronto e Vancouver. O inverno é muito rigoroso, o que já fez a cidade ser sede dos Jogos Olímpicos de Inverno.

O mesmo se aplica para Edmonton, na mesma província. Se, por um lado, o frio é intenso, por outro, a beleza da cidade encanta. Há parques e praças por todos os cantos, além de lugares fascinantes na região para fazer turismo.

A bela cidade de Calgary no inverno

Encontrar uma moradia no Canadá

Há muitos brasileiros dividindo casa ou apartamento no país. Isso ocorre porque é muito mais barato do que morar sozinho. Para aqueles que vão fazer um intercâmbio no Canadá, a melhor maneira de encontrar essas oportunidades é por meio de grupos no Facebook ou de sites especializados.

É importante saber que as escolas oferecem hospedagem em alojamentos para os alunos estrangeiros nas primeiras semanas. Durante os primeiros dias de aula, também é comum os novos alunos se unirem para encontrar vagas com aqueles que já vivem na cidade.

Caso a opção seja por morar com canadenses, existem as host families. Nesse caso, o intercambista tem um quarto apenas para si e total independência em seu dia a dia. Essa é uma opção mais cara, que as agência podem indicar ainda no Brasil.

Escolha uma boa agência

A dica-chave de como fazer intercâmbio no Canadá é escolher uma boa agência para ajudar a escolher o programa ideal para você. A empresa também auxilia na compra de passagens, no visto, no seguro internacional, na hospedagem e tudo o que for necessário para a viagem.

Mas, se você deseja fazer tudo por conta própria, pesquise muito até ter certeza de que seu investimento será bem feito.

Você já conhece o eTA visto para o Canadá? Agora ficou fácil viajar para o país. É rápido e o melhor, tudo online! Entre em contato para mais informações.

Se você tem outras dicas de como fazer intercâmbio no Canadá ou já passou por essa experiência, compartilhe com a gente!

Topo